Acreditar

 

Quero voltar a ter esperança
Quero no banal ver relevância
Gostar de comédia romântica
Quero a mais pura ignorância
Deixar de saber a realidade
Desconhecer minha insignificância

Quero deixar o bom senso
Quero apenas seguir meu coração
Chorar com fúteis histórias de amor
Acreditar que não é tudo armação
Quero desejar beleza superficial
Um idiota vestido de celebração

Quero me iludir com mentiras comuns
Acreditar que acabará a fome no mundo
Apreciar dizeres de paz em roupas curtas
Acreditar que conseguimos deixar o imundo

Quero apenas poder dançar estupidamente
Sem perceber que esta música é débil
Quero deixar de pensar frequentemente
Acreditar que a corrupção se extinguirá
Achar que sem ler evoluirei minha mente

Viver sem saber que Orwell tinha razão
E acreditar que o mundo é admirável
Ser ignorante e falar agradáveis mentiras
Ser estúpida para me tornar respeitável
Acreditar que a televisão não emburrece
E acreditar que nada é detestável

bio Quel

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.